Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - NATAL MOBILE
Anúncio - banner topo 2021
Anúncio - banner mobile
Anúncio - JARDIM VERSAILLES FRANÇOLIN
Anúncio - Mobile
Anúncio - Natal de Reencontros mobile
Anúncio - banner rodape
Anúncio - banner mobile rodape
Anúncio - arte nova mobile
PREPAREM O BOLSO:
IPVA deverá ficar mais caro em 2022
É o imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores
Publicado em 27/10/2021 às 08:39 Italo
IPVA deverá ficar mais caro em 2022

O IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) poderá pesar no bolso do brasileiro a partir de 2022. O imposto deve ser quitado anualmente pelos donos de carros, motos, caminhões, ônibus e demais veículos automotores registrados, inclusive tratores.

O valor cobrado no IPVA, é direcionado à Secretaria de Fazenda do respectivo estado que, então, o divide da seguinte forma: Governo estadual (40%) Municipal (20%) Os valores restantes (20% para o Fundeb – Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação).

Neste ano, o mercado automotivo brasileiro vem sofrendo com a inflação e a alta do dólar, fazendo o preço dos carros novos e usados ter um aumento em seus preços mensalmente. Para algumas pessoas, isso é motivo de comemoração, porque o carro usado passou a valer mais.

O IPVA tem uma cobrança de até 4% do valor do veículo segundo a tabela da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas – Fipe, sendo que em alguns estados pode variar entre 2% e 3,75%. Normalmente, o proprietário de um veículo vem pagando um valor cada vez menor anualmente, em alguns estados existe até a isenção do pagamento do IPVA após um certo período.

Um dos motivos para o IPVA ficar mais caro está no fato da produção de veículos 0 km no Brasil atualmente não está mais acompanhando a demanda. Outro motivo, é a desvalorização do real nos últimos dois anos, pressionando os custos das montadoras. Desta forma, comprar um carro novo está ficando cada vez mais caro.

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

Comentários
Veja também