Coluna Italo

(44) 99941-8859
Anúncio - banner mobile
Anúncio - 61 ANOS MOBILE
Anúncio - Ponta de Estoque
Anúncio - Ecogarden mobile
Anúncio - campanha meses 07-08 e 09
Anúncio - banner rodape
Anúncio - campanha nova mobile
Anúncio - campanha meses 07-08 e 09
Anúncio - Nigth Run Agosto
BOA NOTÍCIA!
Prefeitura vai repassar R$ 3,4 mi a entidades nos próximos 18 meses
A doação inclui recursos dos governos estadual e federal
Publicado em 17/07/2019 às 22:16 Italo
Prefeitura vai repassar R$ 3,4 mi a entidades nos próximos 18 meses

O prefeito Celso Pozzobom e a secretária municipal de Assistência Social, Izamara Amado de Moura, renovaram convênios de repasse de recursos para 12 entidades assistenciais de Umuarama, durante reunião na manhã desta terça-feira, 16, na sala de reuniões do gabinete. Com a parceria, a Prefeitura vai liberar em recursos próprios R$ 3 milhões 464 mil 640,00 em subvenções sociais às entidades, nos próximos 18 meses – cerca de R$ 192,5 mil por mês. O vice-prefeito Hermes Pimentel da Silva participou da assinatura dos convênios.

O valor será acrescido de R$ 534.155,00 em recursos federais (atendendo oito entidades) e R$ 99,5 mil em verbas do governo do Estado, para mais duas entidades, totalizando quase R$ 4 milhões 100 mil. “Sabemos que o trabalho prestado pelas entidades – que é da maior relevância – exige mais recursos. Porém, dentro das inúmeras demandas atendidas pelo município, é desta forma que a Prefeitura pode ajudar”, comentou o prefeito.

Pozzobom falou das obrigações repassadas aos municípios pelo Estado e pelo governo federal sem, no entanto, ser feito o devido aporte de recursos. Como exemplo citou o transporte escolar, cuja maior parte da clientela é da rede estadual e o município é quem banca a grande maioria dos custos. “Os professores estaduais fizeram greve e os alunos ficaram sem aulas. Mesmo assim, o transporte escolar não parou e agora terá que funcionar além do calendário para a reposição das aulas. O nosso prejuízo será de R$ 130 mil com uma greve que nem é do município”, comentou.

O prefeito lembrou também a situação difícil do Samu, que com poucos recursos federais acaba dependendo muito dos municípios, e disse que a Prefeitura conta com o bom trabalho das entidades para atender aos diversos públicos necessitados. “O trabalho voluntário é de extrema importância, por isso as entidades devidamente regularizadas podem contar com nosso apoio. Com planejamento e medidas acertadas a Prefeitura está com as contas em dia, salários pagos dentro do mês trabalhado e alguns recursos para custeio e investimentos”, informou.

A secretária Izamara Moura disse que o repasse de subvenções só é possível porque o município dispõe dos recursos e as entidades estão regularizadas, com a documentação em dia perante o Tribunal de Contas do Estado. “Nós somos exigentes com a burocracia para poder atender a todos, da melhor forma, e os recursos estão disponíveis graças ao bom trabalho da administração municipal. Conseguimos os aditivos e agora as entidades poderão respirar mais aliviadas e continuar prestando esse importante trabalho”, apontou.

Serão atendidas com recursos livres do município, em repasses mensais, as seguintes entidades:  Lar São Vicente de Paulo (R$ 46.400), Associação de Senhoras de Rotarianos (R$ 40 mil), Apromo (R$ 32.600), Guarda Mirim (R$ 14.490), Associação dos Clubes de Mães (R$11.880), Casa da Sopa (R$ 11.700) e ainda a Associação de Recuperação de Alcoólatras, Associação Vida e Solidariedade, Apadevi, Centro de Apoio e Integração Social Bem Viver, Casa da Paz e Lar Betel, com valores entre R$ 4.500 e R$ 7.650 mensais.

Assumu, Apae, Associação Vida e Solidariedade, Apadevi, Apromo, Associação das Senhoras de Rotarianos, o Centro de Apoio Bem Viver e o Lar São Vicente de Paulo também receberão repasses mensais do governo federal (entre R$ 1.590,15 e R$ 6 mil) e a Apromo e a Associação de Senhoras de Rotarianos também terão recursos do Estado – respectivamente R$ 3.250 e R$ 3 mil mensais.

WWW.COLUNAITALO.COM.BR

Anúncio - Dentista
Comentários
Veja também